BUILDBOT Blog

Robôs BioArgo monitorarão vida do oceano

bioargo

O Oceano Índico ainda é um verdadeiro mistério para muitos cientistas e a dificuldade para coletar amostras dificultava ainda mais os estudos e as descobertas sobre a vida marinha nesta região.

 

Para acabar com este mistério, uma equipe de robôs BioArgo, lançados pela Agência de Ciência Nacional da Austrália, ajudarão no monitoramento da vida deste oceano. Eles monitorarão a região e acompanharão a vida aquática, permitindo o surgimento de descobertas valiosas.

 

 

Os robôs BioArgo são robôs flutuadores, que tem como missão principal contribuir para o desenvolvimento de componentes de bio-óptica e biogeoquímico. Agindo como flutuadores perfilados, eles são equipados com sensores bio-ópticos desenvolvidos para a medirem dados como a temperatura, salinidade, clorofila e retroespalhamento.

 

Estes índices coletados também servem como comparativos e validadores de dados oceanográficos de sensoriamento remoto, feito com a ajuda de satélites que transmitem dados para instalações renomadas na área de análises da vida marinha.

 

A frota de robôs que será lançada no Oceano Índico, são semelhantes aos equipamentos já utilizados para realizar estudos no Ártico. Eles irão flutuar pelo oceano e também submergir até a marca aproximada de 6.600 pés, para coletar ainda mais informações a respeito da vida marinha.

 

Quando reunirem uma quantidade ideal de dados, eles retornarão à superfície para transmitirem as conclusões incluindo até mesmo imagens observadas durante o período de investigação sub aquática.

 

Os drones BioArgo terão a capacidade de transmitir imagens tridimensionais do Oceano, o que facilitará muito o desenvolvimento de pesquisas e o surgimento de descobertas.

 

Category: Notícias

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*